%PM, %17 %950 %2016 %21:%Abr

Conselho regional de Quimica do estado da Paraíba comemora o dia nacional da conservação do solo Destaque

Escrito por
Avalie este item
(0 votos)

No dia 13 de novembro de 1989 foi publicada a lei federal de número 7.876, instituindo 15 de abril como o Dia Nacional da Conservação do Solo. Tal data foi escolhida em homenagem ao nascimento de um conservacionista estadunidense que desempenhou importante papel nesta área: Hugh Hammond Bennett (1881–1960), considerado em seu país como o “pai” da conservação do solo.

O solo é o resultado do intemperismo de rochas por agentes físicos, químicos e biológicos, como a ação de chuvas, de ventos, e seres vivos; aliado à matéria orgânica. Abrigo para diversas espécies, como minhocas, fungos e micro-organismos, é dele que brota uma ampla vegetação, capaz de formar paisagens distintas e permitir a sobrevivência de diversas espécies que interagem entre si e com o ambiente. Graças ao solo, temos fontes de alimento, matéria-prima para os mais diversos fins, reciclagem de matéria orgânica, filtração e abrigo de água, dentre outros.

Em suma, nossa existência está bastante relacionada à sua formação e, por tal motivo, esta data não deve passar em branco nas escolas. Propor aos alunos a apresentação de seminários sobre aspectos relacionados à temática permitirá que compreendam mais profundamente sobre ele.

Para que não se corra o risco de apenas um aluno do grupo preparar a apresentação, ou que cada um se encarregue apenas da parte a que lhe foi atribuída, sugiro que o professor sorteie um integrante, minutos antes da apresentação.

A seguir, apresento alguns temas que podem ser trabalhados nos seminários:

- A importância do solo
- Processos de formação dos solos
- Perfis e horizontes do solo
- A constituição do solo
- Funções do solo
- Os organismos que vivem no solo
- Erosão e degradação do solo
- Empobrecimento do solo

Caso toda a escola se proponha a comemorar este dia, recomendo a visita de um profissional que trabalhe nesta área, a fim de palestrar, ou mesmo apresentar, na prática, alguns aspectos do solo, enfocando seus aspectos e a importância de sua conservação.

Tal momento poderá ser encerrado com o plantio ou distribuição de mudas típicas do bioma.

Por Mariana Araguaia
Graduada em Biologia
Equipe Brasil Escola

Lido 1728 vezes
CRQ19

R. Pres. Kenedy, 500 - Tambauzinho, João Pessoa - Paraíba, 58042-180. Telefone: (83) 3244-1000

www.crq19.org.br
 
 
 

20160326110023